domingo, 22 de março de 2015

Exercitando sobre o Planeta Água


Analise a letra da música de Guilherme Arantes e em seguida faça o que se pede:

Água que nasce na fonte serena do mundo e que abre um profundo grotão.
Água que faz inocente riacho e desagua na corrente do ribeirão.
Águas escuras dos rios que levam a fertilidade ao sertão.
Águas que banham aldeias e matam a sede da população.
Águas que caem das pedras no véu das cascatas, ronco de trovão.
E depois dormem tranquilas no leito dos lagos, no leito dos lagos.

  
Água dos igarapés, onde Iara, a mãe d'água é misteriosa canção.
Água que o sol evapora, pro céu vai embora, virar nuvem de algodão.
Gotas de água da chuva, alegre  arco-íris sobre a plantação.
Gotas de água da chuva, tão tristes, são lágrimas na inundação.
Águas que movem moinhos são as mesmas águas que encharcam o chão.
E sempre voltam humildes pro fundo da terra, pro fundo da terra.
Terra, planeta água, Terra, planeta água, Terra, planeta água.
 
Interpretando  a letra da canção
1) Conforme análise da letra da música, o que o compositor quis dizer com a expressão: Planeta Água?
2) Quais funções da água foram informadas no texto?

3) Pesquise no dicionário o significado das expressões:
Grotão:                                            Igarapés:                                            Inundação:
Sertão:                                            Cascatas:                                          Ribeirão:

4) Atualmente a preocupação em relação a água do mundo é muito grande. Explique o por que dessa  preocupação.
5) Escreva a importância das águas dos rios para a população de uma cidade ou região. 
6) Cruzadinha esperta:

1) Aproveitamento econômico das águas dos rios calmos e caudalosos;
2) Amontoamento de gelo passível de deslocamento nas regiões em que a queda de neve ultrapassa o degelo;
3) Curso de água de rios que desagua em outro ou em em lugar;
4) Fonte de um curso de água;
5) Lugar onde se juntam dois ou mais rios;
6) Aproveitamento econômico dos rios encachoeirados;
7) Direção de um rio da nascente à foz;
8) Escoamento, saída, débito de um rio;
9) Rios que chegam a secar como do Nordeste brasileiro;
10) Rios sazonais;
11) Contaminação e consequente degradação do meio natural, causadas por agentes químicos ou domésticos.






Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário